MEU FILHO PRECISA MEDITAR?

Estamos vivendo uma era muito conturbada, com excesso de informação e estímulos. É cada vez mais difícil para a nossa rotina, nos permitirmos aquietar a mente, ficar um tempo sem fazer algo.

Estudos científicos estão cada vez mais comprovando os Benefícios da Meditação para a Saúde Física e Mental. E estes benefícios, a partir do momento que conseguimos cultivar o hábito, se estendem para todas as áreas de nossa vida.  Podemos sentir claramente as transformações em nosso ambiente de trabalho, em nossos relacionamentos, nas interações familiares, etc.

Neste sentido, a meditação deixa de ser apenas uma técnica a ser aprendida e reproduzida, e passa a ser um “Estilo de Vida”, uma “Nova Postura” que assumimos perante as nossas relações com o Mundo.

Ah! Mas a proposta aqui nesta postagem não é falar sobre meditação para crianças? Sim!

E por que está falando sobre meditação de uma forma mais generalizada e direcionada para os adultos?

Porque o objetivo também é falar sobre Educação Consciente.

E quando falamos em  Educação CONSCIENTE,  temos que estar ATENTOS e DESPERTOS para a maneira como passamos os ensinamentos às nossas crianças.

O Exemplo é o nosso maior aliado no que diz respeito à Educação dos filhos.

Então, o tema de hoje é um convite ANTES DE TUDO para uma AUTOAVALIAÇÃO.

A meditação nos propõe uma CONEXÃO consigo mesmo. Ela  permite que possamos estar mais conectados com nossa Verdadeira Essência.

Quietude, Equanimidade, Fala Equilibrada, Comportamentos Compassivos, Empatia, Compreensão, Paciência.

Estas são algumas das características da nossa verdadeira essência. É desta forma que atuamos no mundo quando assumimos o controle e a gestão de nossas emoções.

Quais destas características estão presentes em seu dia a dia? Não só no que diz respeito ao seu relacionamento com seu filho, mas no seu relacionamento com todos ao seu redor?

Quais destas características você precisa neste momento, dar um pouco mais de atenção e cuidado?

Pense nisto e procure realizar as transformações necessárias para que haja sempre coerência entre o que é  sua “atitude”  e o que é o seu “ensinamento”.

A meditação para crianças é muito eficaz e muito importante para que eles também desenvolvam o autconhecimento, a gestão das emoções, foco, atenção e todos os benefícios mais que já são reconhecidos pela ciência. Porém, se quero levar o meu filho para aprender a Meditar, o ideal é que eu também realize esta prática. E que, principalmente, eu apresente em meu dia a dia as atitudes que espero que ele conquiste através das aulas de meditação.

Existem várias atividades para você praticar com seu pequeno, mas isto vou contar em uma próxima oportunidade!

Boa reflexão!

Paz e Bem

Adriana

Comentários

Related posts:

Gostou deste post? Compartilhe!