O IMPACTO DA MEDITAÇÃO NO DIA A DIA

Normalmente agimos reativamente o tempo todo, porque o “julgamento” e a “crítica” estão presentes em nossos pensamentos.

Sempre que ouvimos algo de outra pessoa, automaticamente pré-julgamos a pessoa, o que ela disse e o que ela estava pensando no momento que te disse aquilo.

Muitos mal entendidos, confusões e ressentimentos surgem a partir daí.

Tentar adivinhar ou deduzir o que João me disse naquela reunião, imaginar quais as segundas intenções dele quando me disse aquilo, ou interpretar o que ele falou para todos como uma indireta para mim. Estas são as doses diárias de ‘veneno” para o seu SER e para as suas relações.

Um dos princípios de Mindfulness é o “não-julgar”. Este não julgar começa com você. Julgamos o outro porque nos julgamos também.

O Não-julgar requer aceitação, empatia, requer compreensão, requer um olhar aberto e observador. Ouvir com empatia e compreensão o que o outro tem a dizer, faz uma grande diferença na relação que está sendo constituída naquele momento.

Para agir a partir do “não-julgar” é preciso estar aberto ao momento presente, atuar em sua vida e com o outro a partir do que se vive no aqui e agora.

Abrir mão de receber o acontecimento do agora com as idéias pré-concebidas do que aconteceu ontem, semana passada, no encontro anterior. Cada momento é um momento único, uma nova oportunidade para você viver o que você tem de melhor a entregar e a receber.

Quando você começa a praticar a aceitação do momento presente como ele é, praticar a compreensão, a empatia e desenvolver as suas atitudes (e não reações) baseadas no não julgamento, todos os seus relacionamentos são transformados.

A prática de Mindfulness lhe traz esta clareza, esta atitude, este estado de SER.

Comece com 05 minutos por dia e vá aumentando gradativamente o tempo de sua prática.

E para exercitar a atitude do não julgar:

Tente por uma semana observar as suas atitudes. Observe o que surge a cada momento com abertura. Comece a exercitar uma consciência de aceitação ao momento presente, para si, para o outro e para os fatos que surgirem em seu dia a dia.

Conte para a gente depois, as mudanças que você conquistou!

Quando eu mudo o mundo muda!

Paz e Bem!

Comentários

Related posts:

Gostou deste post? Compartilhe!